Informações gerais

Lentil

Lens culinaris

A lentilha (Lens culinaris) é a quarta leguminosa mais importante, com cerca de 9 milhões de toneladas produzidas por ano globalmente. A lavoura é cultivada principalmente na Índia, Canadá, Turquia, Nepal e Austrália. É uma importante fonte de proteína, fibra, ferro e vitaminas A e B. A palha de lentilha é usada como ração animal para pequenos ruminantes no Oriente Médio e norte da África. A lentilha também é usada como esterco verde graças a sua capacidade de fixar o nitrogênio atmosférico.

A lentilha foi domesticada no Oriente próximo em cerca de 7000 AC, parte de um pacote de culturas antigas que também incluíam grão de bico, einkorn, emmer e cevada. A expansão da lentilha para o oeste ocorreu por volta de 6000 AC, chegando primeiro na Grécia e sul da Bulgaria, e indo depois para República Tcheca e Suíça para a Alemanha. Ao mesmo tempo, a cultura alcançou a Etiópia ao sul. Em direção ao ocidente, ela chegou à Georgia entre 5000 e 4000 AC, depois à Índia e ao Paquistão em cerca de 2000 AC.

A estratégia global para a conservação ex situ da lentilha identificou 43.214 acessos de lentilha no mundo. O Genesys exibe informações de cerca de 70% destes. ICARDA detém a maior coleção de Lens, com 12.463 acessos.

O programa CGIAR de pesquisa sobre leguminosas está realizando pesquisas sobre lentilhas, incluindo sistemas de cultivo de lentilha e arroz no sul da Ásia, onde variedades antigas (porém produtivas) da lentilha são semeadas em pousios, levando ao uso mais eficiente da terra, maior fonte de renda e melhor nutrição para as famílias de agricultores.

Nome original
Lentil
Acessos no Genesys
40642259700_aa995a2715_o.jpg
Institutos detentores
LBN002
AUS165
USA022
RUS001
TUR001
Outro
4.360
País do instituto detentor
Outro
4.346
Gêneros mais representados
Lens
Espécies mais representadas
Lens culinaris
Lens ervoides
Lens nigricans
Lens esculenta
Lens orientalis
Outro
69